Permanência no Campeonato Safina é o primeiro objetivo na mira do Alvarenga

O Alvarenga pretende consolidar a sua afirmação no Campeonato Safina, apontando à permanência na época 2018/2019. Pedro Costa, treinador da formação arouquense, admite que a prioridade é integrar da melhor forma os reforços, na sua maioria oriundos do Brasil, num plantel que continua a apostar na juventude.

“Queremos ter uma base de jogadores portugueses e manter o trabalho que temos vindo a desenvolver há já quatro anos, complementando o plantel com reforços que são aposta dos nossos investidores, habituando-os a uma competição cada vez mais exigente e para que se integrem no futebol europeu”, realça o técnico, de 36 anos.

Pedro Costa recorda que o trabalho do Alvarenga tem dado frutos, “com a saída de jogadores para campeonatos de escalões superiores em Portugal”, mas ressalva que este é "um processo que leva algum tempo, porque tudo deve ser bem escrutinado".

Para a próxima época, o treinador garante “um plantel de qualidade e ambicioso”, o qual vai atacar um Campeonato Safina que, acredita, “não vai ser muito diferente do da época passada, porque tem equipas muitos fortes”. O objetivo será a manutenção: “Teremos adversários complicados, e com o decorrer do campeonato vamos perceber até onde podemos chegar, sempre com a vontade de vencer todos os jogos”.

Pedro Costa, que vai para a terceira época ao leme do Alvarenga, conta com a continuidade no plantel de Rui Mateus, André Prates, Zé Manel, Rui Cardoso, Wallace Silva e João Traquina, aos quais se juntam os reforços Rildo (ex-Sport Club Internacional, Brasil), Pedrão (ex-SE Palmeiras, Brasil) e Gabriel Miotti (ex-São Paulo FC, Brasil).

10 de Julho de 2018
Vítor Hugo Carmo
[email protected]
Notícias Relacionadas
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas