“Estamos com a moral em alta e vamos à procura da manutenção”

Na Mealhada, o cenário está longe de ser o ideal, mas a esperança não esmorece. O Atlético do Luso, penúltimo classificado da 1.ª Divisão Distrital de Aveiro, vive uma época conturbada, mas tenta salvar-se a todo o custo da despromoção e, no passado fim de semana, surpreendeu o Dínamo Sanjoanense, atual terceiro classificado.

“Têm sido tempos difíceis”, admite Iuri, goleador da equipa, que justifica o mau momento com os poucos recursos humanos à disposição. “Somos muito poucos. Temos apenas cinco ou seis elementos, e dependemos de atletas juniores para treinar. Alguns jogadores saíram, porque tinham outros projetos, e os resultados não estavam a aparecer, o que fazia com que a equipa andasse desmotivada”, aponta.

Gorada “a presença na Final Four da Taça Distrital”, um dos objetivos traçados para a temporada, o universal garante que, apesar das adversidades, o grupo está focado na permanência. “Tentamos motivar-nos dentro do grupo, mas não tem sido fácil. Ainda assim, vamos focar-nos em manter o bom momento e tentar garantir a manutenção, que acredito que vamos conseguir alcançar”.

E, para que a garantam, nada melhor do que trabalhar sobre vitórias, como a conseguida no passado sábado diante do Dínamo Sanjoanense. “A vitória traz uma motivação extra. Estávamos todos cabisbaixos, mas agora estamos com a moral em alta, e vamos à procura da manutenção”, assegura Iuri, que esteve em destaque, ao apontar um póquer. “A exibição teve um forte significado, porque consegui ajudar a equipa. Não ligo a registos pessoais, mas fico contente por ter contribuído para o sucesso coletivo”, destaca o atleta, que pretende manter o registo em prol da equipa: “Quero continuar a ajudar a equipa, com golos e boas prestações”.

Fotografia
Diogo Pereira

27 de Fevereiro de 2017
Pedro Fernandes
[email protected]
Notícias Relacionadas
Jogadores
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas