Toninho é especialista nas bolas paradas e “segurou” o Paços de Brandão na 1.ª Divisão Distrital

Um golo de Toninho permitiu ao Paços de Brandão empatar 1-1 no reduto do ACRD Mosteirô, em jogo da 33.ª jornada da 1.ª Divisão Distrital que confirmou a permanência dos brandoenses na competição. O defesa, que se diz especialista nos lances de bola parada, marcou o terceiro golo da época pelo Paços de Brandão.

Aos 30 anos, Toninho diz-se satisfeito por ter aceitado o convite do clube brandoense e recorda que o jogo com o ACRD Mosteirô acabou por demonstrar a capacidade de superação da sua equipa. “Sabíamos que tínhamos de pontuar para alcançarmos a manutenção, e nesse contexto conseguimos superar todas as dificuldades num jogo muito equilibrado. Tivemos inúmeras oportunidades de golo e, depois de estarmos em desvantagem, julgo que fomos uma equipa ainda mais coesa”, revela.

O jogador admite que o clube passou por alguns sobressaltos no campeonato, mas garante que sempre houve capacidade para alcançar o objetivo da manutenção. “Podíamos perfeitamente ter resolvido a questão da manutenção mais cedo. A equipa tem muita qualidade, mas em diversas situações estivemos intranquilos. Contudo, a nossa conquista é justa pelo esforço do plantel”, sublinha.

Toninho, que fez a sua formação no União de Lamas, considera ser um especialista nos lances de bola parada, marcando o terceiro golo da época no jogo com a formação de Arouca. “julgo é um dos pontos mais fortes, e é uma caraterística em que a equipa tem apostado. São lances que decidem jogos e, no último, decidiu a manutenção do Paços de Brandão”, conclui.

23 de Maio de 2019
Notícias Relacionadas
Jogadores
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas