Taça PECOL Powertools: Uma "manita" para celebrar o regresso de Roberto ao CR Antes

Teve uma curta passagem pela LAAC, do Campeonato SABSEG, mas Roberto não conseguiu resistir ao apelo do coração e fez do regresso ao CR Antes uma autêntica festa do golo. O avançado marcou por cinco vezes na vitória dos encarnados diante do GD São Roque, na 2.ª eliminatória da Taça de Aveiro PECOL Powertools, e confessa que esta foi “a melhor forma de voltar” a uma casa que nunca deixou totalmente.

Há uma semana, Roberto era notícia por deixar o CR Antes, um clube que ajudou a renascer, para reforçar a LAAC, equipa que procura afirmar-se na elite aveirense. “Era uma proposta muito aliciante”, assume o avançado, de tal forma que até os seus companheiros de equipa em Antes lhe confessaram que “também iam se tivessem a oportunidade” que lhe surgiu. E Roberto lá foi, esperançado, para uma nova aventura, mas as coisas “não foram tão fáceis como esperava”, sobretudo as saudades, e o coração acabou por o fazer voltar.

Essa curta experiência fê-lo ter a certeza de que, até ao fim da carreira, o seu lugar será no Campo das Ferrugens, junto dos amigos, que ajudou a convencer a juntarem-se a si em Antes ao longo dos últimos anos. Resolvido consigo próprio, Roberto só pensa em ajudar o clube a chegar, o mais rápido possível, ao Campeonato SABSEG, e quer fazer da participação na Taça de Aveiro PECOL Powertools uma festa.

A avaliar pela 2.ª eliminatória da prova, serão festividades regadas com muitos golos, do CR Antes e do camisola 7. Em São Roque, Roberto marcou cinco dos oito tentos com que os bairradinos eliminaram um adversário que irá reencontrar na 1.ª Divisão Distrital. “Entrámos muito bem. Começámos o jogo a ganhar e, com a capacidade e qualidade que a equipa tem, tudo ficou mais fácil. Foi bom pela vitória e por estrar de volta. Marcar cinco golos não acontece todos os dias”, assume.

Lembrando que “a Taça é mais uma festa do que um objetivo concreto”, os planos do CR Antes para a prova passam por tentar “um brilharete”, que um conjunto de sorteios favoráveis, que afastem “equipas potencialmente vencedoras”, pode ajudar a concretizar. “Seria uma festa muito grande chegar à final ou ganhá-la”, remata.

Leões Bairristas seguem em frente
A goleada do CR Antes em São Roque foi a vitória mais expressiva da 2.ª eliminatória da Taça de Aveiro PECOL Powertools, mas não por muito. Noutro duelo que opôs equipas que competem na 1.ª Divisão Distrital, a UD Bustos derrotou o GD Mealhada por 7-0, com Tiago Reis a completar um “hat-trick” e João Fernandes a bisar. Igualmente expressiva foi a vitória do Florgrade FC na receção à ACRD Mosteirô (4-0), num jogo em que Diogo Guerra bisou.

Os restantes encontros que opuseram equipas do segundo escalão aveirense tiveram resultados mais nivelados. A ADC Lobão venceu a AD Argoncilhe por 1-0, com a equipa forasteira a desperdiçar uma grande penalidade perto do fim. Pelo mesmo resultado, a AD Nogueira da Regedoura afastou o FC Macieirense, marcou Wilson Santos, enquanto a UD Mansores derrotou o CCR Válega por 2-1.

As surpresas da ronda aconteceram em Arrifana, Cassufas e Travanca, onde CD Arrifanense, FC Bom-Sucesso e Geração RD viram adversários de escalões inferiores afastarem-nos da Taça. Os Leões Bairristas, do futebol popular de Espinho, derrotaram o FC Bom-Sucesso por 4-3, numa partida em que recuperaram de uma desvantagem de dois golos. Já o SC Carqueijo, da 2.ª Divisão Distrital, eliminou o CD Arrifanense, da 1.ª Divisão, nos penáltis (5-4), após o 2-2 registado no final do tempo regulamentar. Por seu turno, a ADC Sanguedo ganhou na casa da Geração RD graças ao tento solitário de Ruben Tavares, de grande penalidade.

Nas restantes partidas, um “bis” de Daniel Vieira permitiu ao Romariz FC triunfar na casa do GD Beira-Vouga (2-1), um tento solitário de Diogo Silva garantiu o triunfo ao GD Calvão diante da UD Fermedo, o CD Tarei eliminou a AR Aguinense nos penáltis, após o 1-1 no final dos 90 minutos, e AD Valonguense e FC Pinheirense venceram por 4-1 nas visitas a Milheirós de Poiares e Santo André, respetivamente.

A 2.ª eliminatória da Taça de Aveiro PECOL Powertools apenas ficará completa quando se jogarem as partidas Mosteirô FC-JuveForce, Relâmpago Nogueirense-AD Valecambrense e UD Mourisquense-ADRC Ribeira de Azenha, que foram adiadas. As novas datas para a sua realização ainda não são conhecidas.

20 de Outubro de 2020
Final Version
Notícias Relacionadas
Jogadores
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas