Ronda emotiva aquece o Campeonato Grande Hotel de Luso

O último fim de semana trouxe uma ronda emotiva de jogos, na qual o líder do Campeonato Grande Hotel de Luso, Beira-Ria, venceu pela margem mínima em Arouca. A Casa do Povo de Esgueira perdeu o contacto com o grupo de vice-líderes e foi ultrapassada pela Juventude de Fiães na tabela. O duelo entre PARC e Gafanha foi interrompido devido ao piso escorregadio.

Na deslocação a Arouca, o Beira-Ria venceu por 2-1, graças aos remates certeiros de Filipe Andrade e Teófilo. Perto do fim, Cerqueira reduziu para os arouquenses.

Na perseguição ao líder seguem Mozelos e Travassô, que continuam empatados na segunda posição. Os mozelenses venceram na casa do ‘lanterna-vermelha’ Telhadela por 3-1. Um autogolo e um tento apontado por Vasco deixaram os visitantes na frente ao intervalo, eles que até começaram a perder, em virtude do golo de Vítor Gomes. A meio da etapa complementar, Marinho fechou o resultado.

Mais dilatada foi a vitória do Travassô frente à ADREP (7-4), num jogo em que Jota completou um ‘hat-trick’. Ricardo Quintas, Iuri, Bastos e Mário Pires marcaram os restantes tentos dos encarnados, que viram os forasteiros reduzirem por Pinho, Pipoca, Jony e Vítor Nunes.

Com João Maio em plano de evidência, ao apontar quatro golos, a Juventude de Fiães subiu ao 4.º lugar graças ao triunfo, por 9-4, na receção à ARCA. João Mesquita bisou pelos fianenses, tal como Cris pelo conjunto de Aguada de Baixo.

Miguel Silva e Zidane bisaram no triunfo do Arrifanense diante da Casa do Povo de Esgueira (4-1), que reduziu por Rui Alves. Quanto ao jogo entre Barcouço e CD Cucujães terminou empatado a três golos. João Oliveira adiantou os cucujanenses no minuto inicial, tendo Valada igualado a meio da etapa inicial. No segundo tempo, Eduardo Monteiro completou a reviravolta, mas André Castro restabeleceu o empate no minuto seguinte. O ala do CD Cucujães recolocou a sua equipa na frente a cinco minutos do fim, mas os locais ainda tiveram tempo para voltar a marcar, por Miguel Paiva, fechando o resultado em 3-3.

O jogo entre a PARC e o Gafanha foi interrompido aos 15 minutos, devido ao piso escorregadio. Nessa altura, o resultado era de 4-0, favorável aos gafanhenses.

16 de Dezembro de 2019
Notícias Relacionadas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas