Renascimento do Romariz FC passa pela estabilização na 1.ª Divisão Distrital

A subida de divisão alcançada na última época pelo Romariz FC constituiu o cumprimento de um objetivo tendo em vista o renascimento do clube. Hoje, a estrutura prepara novo desafio, desta feita na 1.ª Divisão Distrital, e Rui Eusébio aponta à estabilização, sem esconder a possibilidade de uma surpresa.

“A promoção, na última época, era um objetivo que permitiria o renascer do clube, e isso foi alcançado. Foi o que a direção nos pediu e, felizmente, conseguimos”, recorda o técnico, que, para 2022/23, assume a intenção de ter uma equipa “competitiva e capaz de lutar por vitórias”.

O objetivo, garante, “passa pela manutenção e pela estabilidade”, mas Rui Eusébio não fecha a porta a algo mais. “Podemos surpreender”, afiança, em declarações à AFA TV, contente por permanecer num projeto que acredita “de continuidade”.

“Foi um dos motivos que me fez permanecer no clube. Este projeto permitirá consolidar e cimentar o clube nesta divisão e, quem sabe mais tarde, noutro patamar”, aponta, entre alertas para um ano que espera “complicado, difícil”.

“Desceram muitas equipas do Campeonato SABSEG e este vai ser um campeonato mais competitivo, mas também mais ambicioso. Vamos ter de lutar para conseguirmos os nossos objetivos e prevejo um campeonato complicado”, explica o técnico, sublinhando que “o plantel nunca está fechado”, mas vem sendo estruturado com a pretensão de criação de um grupo “equilibrado e com valores para tentarmos surpreender nesta divisão”.

Plantel do Romariz FC
Guarda-Redes:
Vitinha, Passarinho e Bruno Maia;
Defesas: Cardoso, Zé Luís, Paulo Santos, Manuel Castro, Monteiro, Xavi e Neves;
Médios: João Marcelo, Skin, Huguito, Daniel Fonseca, Santos;
Avançados: Roma, Zé Mota, Joel Malveira, Alcides Júnior, Léo e Garranas.

Fotografia: Romariz FC

17 de Agosto de 2022
Final Version
Notícias Relacionadas
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas