Reestruturação da FPF premeia época de SC São João de Ver e Fiães SC

O Fiães SC vai participar na próxima edição da Liga BPI, o principal campeonato do futebol feminino nacional, enquanto o SC São João de Ver foi promovido ao Campeonato de Portugal, fruto da reorganização dos quadros competitivos apresentada pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF). A decisão é conhecida poucos dias depois de Vizela e FC Arouca terem sido indicados pela FPF para subirem à LigaPro.

Com o objetivo de assegurar o maior número possível de projetos equilibrados, aumentar a competitividade, melhorar a qualidade de jogo, aproximar os adeptos do futebol local, criar espaços de desenvolvimento para o jovem jogador português na transição dos sub-19 para os seniores e garantir um formato adequado ao que se prevê venha a ser a próxima época, no quadro da pandemia da Covid-19, a direção da FPF aprovou um amplo plano de emergência e reestruturação do terceiro escalão do futebol sénior masculino português.

Deste modo, a federação decidiu criar em 2021/2022 uma nova prova, designada para já de ‘III Liga’, que servirá de acesso à LigaPro. Assim, na época 2020/2021 competirão no Campeonato de Portugal as seguintes 96 equipas: duas vindas da Liga Pro, 70 que permanecem da época passada, 20 que ascendem das competições regionais e 4 novas equipas B. Nas três épocas seguintes, a ‘III Liga’ e o Campeonato de Portugal verão o número de clubes reduzir-se até 76.

A FPF acordou com o Sindicato dos Jogadores que os profissionais destas competições terão como valor de remuneração base o salário mínimo nacional. Além desta medida, a taxa de jogo sofrerá uma redução significativa e haverá ajustes no valor de inscrição de jogadores.

Fiães SC estreia-se na Liga BPI
O Fiães SC conquistou a Série C da 2.ª Divisão Nacional e vê cumprida a meta de ascender ao principal escalão nacionalm, competição na qual se irá estrear. Para a próxima temporada, a direção da FPF entende que aumentar a Liga BPI de 12 para 20 clubes permitirá apoiar diretamente quase o dobro das jogadoras portuguesas, muitas delas ativas em seleções nacionais de diferentes escalões. Em 2021/2022 a Liga BPI terá 16 equipas.

Assim, além dos 12 clubes que competiram na Liga BPI em 2019/2020, participarão em 2020/2021 também os oito vencedores de série do Campeonato da II Divisão Nacional Feminino.

SC S. João de Ver no Campeonato de Portugal
Com a aprovação do amplo plano de reestruturação do terceiro escalão do futebol sénior masculino português, a FPF prevê o alargamento para 96 equipas já na época 2020/21 e a criação duma III Liga na época seguinte, de acesso à Liga Pro.

Com esta decisão, o SC S. João de Ver vê concretizado o objectivo de subir ao Campeonato de Portugal, já que liderava o campeonato SABSEG, da AFA, na data da sua suspensão.

FC Arouca de regresso ao futebol profissional
A Federação Portuguesa de Futebol definiu os clubes que ascendem do Campeonato de Portugal à Liga Pro, e premiou o FC Arouca e o Vizela, por serem as equipas com mais pontos conquistados aquando da interruopção da prova.

O FC Arouca regressa, assim, às competições profissionais do futebol português.

Futsal aguarda decisões
Definidos os moldes em que decorrerão as competições nacionais não profissionais de futebol na época 2020/2021 e 2021/2022, a FPF continuará agora a estudar os formatos e calendários das provas de futsal nas próximas temporadas.

Pode conferir a notícia FPF aqui.

6 de Maio de 2020
Notícias Relacionadas
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas