Mendonça ambiciona voltar a ser o “rei” dos marcadores após “hat-trick” pelo SC Fermentelos

Três golos marcados ao GD São Roque, na vitória por 3-1 do SC Fermentelos, valeram a Diogo Mendonça a subida ao segundo lugar da lista de melhores marcadores da 1.ª Divisão Distrital. O avançado quer voltar a ser o “rei” dos golos e “juntar o útil ao agradável”, ajudando o clube a regressar à elite de Aveiro.

Aos 28 anos, Mendonça continua a mostrar as suas qualidades de goleador e o “hat-trick” diante do GD São Roque é um sinal de “boa forma”. “Julgo que, até ao momento, foi a minha melhor exibição, esta época. A nível coletivo estamos muito fortes, com um bom trabalho desde o início da época. E, para mim, foi daqueles jogos em que as coisas saíram todas bem”, afirma, considerando que a presente temporada tem tido caraterísticas diferentes para a formação da Pateira.

“Está a ser um pouco diferente dos outros anos. Admito que, no passado, talvez tivesse mais influência pelo facto de os meus golos serem mais preponderantes. Agora, julgo que a grande diferença é que é o coletivo que está muito forte, porque o plantel é equilibrado e estão todos a um bom nível”, explica.

Com 14 golos na 1.ª Divisão Distrital, o avançado “gostaria de voltar a ser o melhor marcador” de um “campeonato muito mais equilibrado e competitivo”. “Sinto-me melhor em relação ao início da época e a própria equipa está estabilizada em termos de jogo. Assim sendo, é possível manter-me na luta pelo primeiro lugar dos marcadores”, defende, acrescentando que o SC Fermentelos “está bem encaminhado para a subida de divisão”.

“Se for o melhor marcador e a equipa se sagrar campeã, junta-se o útil ao agradável. Mas, para que tudo isso aconteça, temos de continuar a trabalhar como até aqui, acreditando nas nossas ideias e superando os adversários”, conclui.

5 de Março de 2020
Vítor Hugo Carmo
[email protected]
Notícias Relacionadas
Jogadores
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas