Luta pela manutenção aquece no Campeonato Grande Hotel de Luso

Num fim de semana em que o trio da frente venceu, as grandes emoções da 14.ª jornada do Campeonato Grande Hotel de Luso ocorreram no fundo da tabela, com PARC e ARCA a vencerem e a encurtarem distâncias para lugares mais tranquilos.

Em Barcouço jogou-se um dos desafios mais esperados da ronda, com a visita do líder, Bairros, a uma das equipas-sensação da prova. Os azuis chegaram ao intervalo a vencer, bisou Richard, tendo Rafa marcado pelo meio para os visitantes. Porém, nos últimos dez minutos, Sá Pinto, que marcou por duas vezes, e Hélder operaram a reviravolta (4-2).

Mais folgado acabou por ser o triunfo da Juventude de Fiães na visita ao Beira-Ria, por 6-2. Mica adiantou os fianenses logo a abrir, tendo Preto e Tiaguinho ampliado para 3-0 até ao intervalo. Fera ainda reduziu para os locais, aos 27 minutos, mas Preto, Gabi e Macieira repetiram a dose do primeiro tempo para a Juventude de Fiães. Pelo meio, Teófilo voltou a marcar para o Beira-Ria.

Quanto ao Azagães sofreu para derrotar o Arrifanense (6-5), num jogo que contou com muitos adeptos nas bancadas. A equipa da casa chegou a estar a vencer por 5-0, marcaram Andorinha, Messi, Lhô, por duas vezes, e Gazela. O conjunto de Arrifana não se foi abaixo e conseguiu igualar, por Torres, que marcou por três ocasiões, Piro e Miguel, mas, bem perto do fim, Paulo Azevedo apontou o golo que valeu o triunfo aos oliveirenses.

Com Diogo inspirado, autor de um “hat-trick”, o Gafanha venceu na casa do Atómicos, por 5-3. Ricardinho e Ricky marcaram os restantes golos do conjunto orientado por André Graça, tendo Adónis, o guardião Pedro Marques e Morais reduzido pelos locais.

A Casa do Povo de Esgueira voltou aos triunfos no Campeonato Grande Hotel de Luso e fugiu aos lugares perigosos da tabela. Na receção ao Travassô, triunfo por 4-3, num jogo em que Miguel fez um “hat-trick” pelos locais, tendo Tcherno completado a lista de marcadores. Pelos visitantes marcaram Jota, que bisou, e Quintas.

Num duelo entre aflitos, a ARCA levou a melhor diante da ADREP, por 7-5. Fábio, com um “póquer”, foi o homem em maior evidência na partida, tendo Sérgio, Gonçalo e David Mota também marcado pelo conjunto da casa. Jony, Pinho, Daniel, Rafael e Barreiro reduziram pela equipa que viajou da Palhaça.

Por fim, a PARC derrotou, em casa, o Atlético do Luso, por 3-2. Renato Pereira, por duas vezes, e Bruno Santos construíram o triunfo dos de Pindelo, que viram os forasteiros reduzirem por Anselmo Duarte e um autogolo.

11 de Fevereiro de 2019
Notícias Relacionadas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas