Katchana "entre a felicidade e a tristeza" no regresso a Águeda
Um dérbi é sempre um jogo à margem dos restantes, ainda mais quando, pela frente, está uma equipa especial, ao serviço da qual se viveram momentos marcantes. Foi assim com Katchana no regresso a Águeda, clube com o qual se sagrou campeão distrital de Aveiro na época passada, e ao qual marcou no último domingo, com a camisola do Anadia.

“Foi uma sensação estranha, uma mistura de felicidade e tristeza, mas tenho de defender o clube que represento”, conta o médio, de 33 anos, que confessa ter sido “muito especial regressar a um campo e a um clube” onde viveu “muitos momentos felizes”.


O golo de Katchana, de grande penalidade, abriu caminho a uma importante vitória do Anadia na casa do vizinho Recreio de Águeda, por 3-1. Edema e João Ricardo conferiram uma vantagem de três golos aos forasteiros, tendo Zé Bastos reduzido, também de penálti, para a equipa da casa.

Três importantes pontos na corrida do Anadia pela “fase dos primeiros” do Campeonato de Portugal Prio (CPP), apenas permitida aos dois primeiros classificados de cada série. “Depois de lá estar, tudo o que conseguirmos a mais do que no ano passado é bom. A nível individual e, principalmente, a nível coletivo, todos sairemos a ganhar”, explica o atleta.

Gafanha e Sanjoanense seguem no topo
O Anadia segue na segunda posição da Série D do CPP, e aproveitou o nulo do líder Gafanha, na casa do Nogueirense, para se aproximar do topo da classificação.

Na sétima posição da tabela está o Pampilhosa, que foi derrotado, em casa, pelo Lusitano FC, por 3-1. O inevitável Joeano marcou pelos ferroviários, mas Marcel, que bisou, e Pedro Costa carimbaram o triunfo dos forasteiros.

Quanto à Série C, Sanjoanense e Salgueiros, os dois líderes da prova, empataram a zero, no Estádio Conde Dias Garcia. Apesar da ausência de golos, o jogo foi tudo menos monótono, com Pardal a atirar por duas vezes aos ferros da baliza salgueirista, e Ricardo Rocha a desperdiçar uma grande penalidade. 

Melhor fez o Estarreja, que bateu, em casa, o Coimbrões, por 3-1. Quanto às equipas de Oliveira de Azeméis, tiveram um domingo para esquecer. A Oliveirense foi goleada em Gondomar (5-1), enquanto o Cesarense, último classificado da competição, perdeu, em casa, com o Cinfães, por 2-1.

Fotografia
Direitos Reservados 
31 de Outubro de 2016
Rui Santos
[email protected]
Notícias Relacionadas
Jogadores
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas