Hat-trick de Guilherme Salvador serve de incentivo para o resto da temporada

Na antevisão para o Campeonato do Mundo de 2010, Cristiano Ronaldo proferiu uma célebre frase, referindo que “os golos são como o ketchup, quando aparece, aparece tudo de uma vez”. Uma declaração que perpetua na memória dos vários agentes do desporto e que serve de base para aquilo que Guilherme Salvador espera daqui em diante. O jovem alinhou em quatro jogos esta temporada e regista três golos marcados, todos no transato domingo, na receção do SC Alba à LAAC, igualando, numa só partida, os números da época anterior.

Com 22 anos feitos esta semana, o avançado do SC Alba anotou o primeiro hat-trick da carreira enquanto sénior e, ainda que ciente da importância do feito individual, destaca a relevância do triunfo coletivo. “São os primeiros três golos que marco esta temporada. São um boost de confiança para mim, por ajudar a equipa a conseguir a vitória, até porque já não vencíamos desde a 2.ª jornada. Vínhamos de dois empates e precisávamos de uma vitória para mudar o chip e a mentalidade da equipa. Fazer três golos neste jogo acaba por ser como um voto de confiança para mim próprio, para marcar mais no resto da temporada”, enaltece.

Após 14 anos de formação feita no GD Gafanha, tendo disputado os mais altos patamares dos campeonatos nacionais de iniciados e de juniores, Guilherme Salvador chegou ao futebol sénior pela porta do emblema de Albergaria-a-Velha e revela sentir a confiança dos responsáveis do clube. “O meu primeiro ano no escalão sénior foi no SC Alba. Acolheram-me muito bem, dando-me confiança para trabalhar em prol do clube. Sinto-me bem aqui”.

Define-se como um jogador com veia goleadora e descreve as valências próprias que, na sua ótica, permitirão ao SC Alba estar mais próximo do golo. “Consigo procurar muito bem os espaços e finalizar. Sou forte no jogo aéreo, para chegar ao golo em cantos e livres, e consigo trabalhar para a equipa, ajudando a alcançarmos vitórias”, ambiciona.

A nível pessoal, assume que tem o objetivo de apontar “entre 10 a 15 golos” esta temporada. Quanto ao futuro, não omite o desejo em “chegar a um nível profissional ou semiprofissional”. “Sou jovem e ao pensar um pouco mais além, gostava muito, claro”.

No SC Alba encontrou um plantel unido e fortificado, cuja maioria dos atletas tem transitado de temporada em temporada. No seio da equipa ambiciona-se atingir o play-off de campeão, garantindo desde logo a permanência no Campeonato SABSEG. “A maior parte do plantel já se conhece muito bem, está junta há quatro épocas consecutivas. Este ano, sentimos que temos uma equipa muito forte para conseguirmos chegar à fase de subida. Penso que esta vitória [frente à LAAC] vai ser como um mudar de chip e de mentalidade para seguirmos no caminho das vitórias, para no final desta primeira fase estarmos entre os quatro primeiros”.

Guilherme Salvador divide o futebol com os estudos. Após licenciar-se em História da Arte, em Coimbra, prossegue a formação académica no mestrado em Património Cultural e Museologia, também na cidade dos estudantes.  

Fotografia: Direitos Reservados

9 de Novembro de 2022
Marcelo Brito
[email protected]
Grande Hotel Luso Natal
Instagram AFA
Notícias Relacionadas
Jogadores
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas