GD Gafanha não embarca em euforias

Presente na Fase de Apuramento do Campeão da última edição do Campeonato Grande Hotel de Luso, o GD Gafanha garantiu bem cedo a permanência e o repto para 2022/23 é espelhar esse desempenho sem sobressaltos.

“Este ano é um campeonato é diferente, de uma série única, o objetivo é a manutenção, a melhor classificação possível tendo em vista uma época tranquila”, partilha o treinador do conjunto da Gafanha da Nazaré, Tiago Fresco.

Há seis temporadas no clube, o técnico vai dar início à terceira como responsável pela equipa sénior. Sobre o campeonato que os seus pupilos vão disputar, Tiago Fresco diferencia dois grupos de equipas.

“Vai haver ali duas, três equipas mais fortes e, a partir daí, vai ser muito equilibrado entre as restantes”, analisa sobre o que caracteriza este Campeonato Grande Hotel de Luso.

No que concerne a edificação do atual plantel, houve “algumas mudanças", mas o olhar do GD Gafanha é mais voltado para um plano interno. “O plantel neste momento são 16 jogadores, poderá entrar um ou outro jogador, mas temos sempre um olho na equipa B, onde trabalhamos alguns miúdos para virem a integrar os ‘A’”, disse ainda o treinador, de 36 anos.

12 elementos transitam do plantel principal de 2021/22, três são novas contratações e um júnior subiu um escalão no seu percurso.

Plantel do GD Gafanha
Guarda-Redes: Bruno Barbosa, Daniel Luzia e Bruno Teixeira;
Alas: Dani Lucas, Diogo Melo, José Carlos, Fernando Cá, Luís Santos, André Baltazar e Jorge Neves;
Pivôs: Xavier Silva;
Universais: Tiago Rodrigues, Ricardo Soares, Francisco Gamelas, Fernando Araújo e Francisco Monteiro.

Fotografia: GD Gafanha - Futsal

28 de Setembro de 2022
Grande Hotel Luso Natal
Instagram AFA
Notícias Relacionadas
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas