Estreia de sonho no Campeonato SABSEG abre boas perspetivas para Schleider

Schleider dificilmente esquecerá o dia em que se estreou no Campeonato SABSEG. O jovem venezuelano, de 22 anos, bisou na vitória do Cesarense diante do Cucujães, “dois golos muito especiais” para um jovem que é dono de um currículo promissor no seu país, registo que lhe valeu uma vaga no tão almejado futebol europeu.

Médio ofensivo, de técnica apurada, Schleider não demorou a deixar a sua marcar na elite aveirense. No dérbi do concelho de Oliveira de Azeméis da 8.ª jornada, o criativo fez-se notar pelos dotes com a bola e pela eficácia na hora de finalizar. Num curto espaço de 25 minutos, colocou o esférico por duas vezes no fundo da baliza adversária, uma espécie de recompensa pela “confiança e apoio da equipa” desde que chegou ao Estádio do Mergulhão.

Para trás ficou a Venezuela, terra que o viu o nascer e lhe abriu as portas do futebol, mas cuja instabilidade social o fez partir em busca de melhores oportunidades. “Lá, a minha vida era um pouco complicada, até pela própria situação do país. Era muito difícil. Não ganhava muito dinheiro e era complicado viajarmos de um lado para o outro”, conta o jovem, que nos últimos anos andou a saltar entre os dois principais campeonatos daquele país.

Grato pela oportunidade que o Cesarense lhe proporcionou, Schleider quer continuar a retribuir com boas exibições. Fã de Ronaldinho e Iniesta, o médio venezuelano, que viajou sozinho para Portugal, quer aproveitar a maior visibilidade do nosso futebol para poder singrar na modalidade e, desse modo, ajudar a família a atravessar o Atlântico para se juntar a ele.

Fotografia
Direitos Reservados

31 de Outubro de 2019
Rui Santos
[email protected]
Notícias Relacionadas
Jogadores
Equipas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas