Antevisão e análise à 1.ª Divisão Distrital por José Alexandre Silva

A jornada
Um golo de Barroqueiro, aos 87 minutos, deu a vitória à Ovarense frente ao Cucujães, no jogo mais esperado da quinta jornada da 1.ª Divisão Distrital. Com este resultado, derivado também da derrota do Valecambrense em Fermentelos, a prova tem agora três líderes, juntando-se aos "vareiros" o também candidato São Vicente Pereira e a surpresa, até ao momento, da formação do Argoncilhe.

O destaque
Num domingo em que, devido às complicações criadas pelo furacão Leslie, o confronto Oiã-ACRD Mosteirô foi adiado, o destaque vai para o facto de todas as equipas candidatas, ou de valor suficiente para poderem ter uma palavra a dizer nesta prova, terem ganho os seus confrontos, aproveitando o fator casa contra adversários diretos ou complicados.

Numa prova que se espera de enorme equilíbrio e que tem, pelo valor dos jogadores, plantéis que podiam perfeitamente estar num nível superior, ganhar em casa é fundamental para manter aspirações. Foi isso que fizeram Fermentelos, Mealhada e Ovarense, que bateram, respetivamente, Valecambrense, Canedo e Cucujães.

A antevisão
Um jogo entre a Ovarense e o São Vicente Pereira, pela proximidade geográfica, capta atenções em qualquer altura do campeonato. Mas sendo à sexta jornada, quando ambas as formações estão em primeiro lugar, com o mesmo número de pontos e a quererem, de alguma forma, marcar posição frente à concorrência, este confronto merece ser visto e seguido por todos.

No entanto, não é o único jogo entre equipas do topo, já que o Argoncilhe tem, na receção ao Mealhada, um teste à sua capacidade, frente a uma equipa mais experiente nestas andanças. O Canedo, combalido, recebe um motivado Fermentelos, num confronto em que os leões da Pateira, orientados por Gilmar, vão querer mostrar qualidade de candidato, mesmo que com algumas dificuldades causadas pelas lesões.

19 de Outubro de 2018
Notícias Relacionadas
Categorias
Tags
Twitter
Facebook
Notícias Mais Lidas